Acreditamos ser possível uma Ilhabela:

  • justa, mediante o respeito à diversidade com equidade, à criação de condições para o pleno desenvolvimento das crianças, jovens e adolescentes;
  • bonita, cuidando das ruas e demais espaços públicos, regulando as edificações para que não agridam visualmente os cidadãos que percorrem a cidade, disponibilizando serviços e sistemas de manutenção da cidade, assim como acolhedora nos espaços privados, garantindo condições dignas de moradia a todos os que nela habitam;
  • saudável, preservando e potencializando seus ativos ambientais, assim como ampliando o controle sobre a poluição, implantando os sistemas de esgotamento, recolhendo e reciclando o lixo produzido, impedindo as ocupações ilegais; ampliando as possibilidades da prática do esporte como forma de desenvolvimento e socialização;
  • segura, em que todos os cidadãos possam habitar, trabalhar e circular sem medo e em que sejam respeitados todos os direitos civis e humanos;
  • eficiente, em que se possa circular mediante um sistema de transporte público eficaz, adequando o uso de veículos privados individuais ao espaço viário disponível; e a implantação das redes necessárias à boa informação e comunicação entre todos os cidadãos;
  • democrática, onde a liberdade de expressão possa ser exercida por todos através dos muitos meios de comunicação tecnicamente disponíveis, de modo a criar as condições de uma efetiva democracia participativa;
  • aberta para o turismo, intensamente cultural e educada, valorizando o produto da inteligência, sensibilidade, trabalho de seus cidadãos, de suas organizações produtivas e de suas instituições, públicas e privadas;

Não aceitamos que sejam considerados normais e aceitáveis:

  •  Os preconceitos
  • A indiferença perante o sofrimento alheio
  • A descontinuidade, por motivos partidários menores, de projetos aprovados
  • A falta de transparência e informação por parte de instituições públicas
  • A ausência de compromisso social por parte de empresas privadas
  • A lentidão da Justiça e a impunidade
  • O desrespeito ao Estatuto da Criança e do Adolescente
  • A sonegação de impostos, a corrupção e os deslizes éticos sob alegação de pragmatismo

Missão

O movimentoNossa Ilha Mais Bela tem por missão mobilizar diversos segmentos da sociedade para, em parceria com Governos e outras instituições, construir e se comprometer com uma agenda e um plano de metas, articular e promover ações, visando uma Ilhabela justa, preservada e sustentável.